A Psicoterapia é uma atividade profissional independente da Psicologia, como a Declaração de Estrasburgo o reconheceu em 1990 e que foi assinada por catorze países.

 A Psicoterapia abarca vários modelos teóricos e de intervenção, da palavra à intervenção psicocorporal, num total de mais de vinte modelos que reúnem diversas perspetivas sobre o tratamento não-farmacológico.

A formação do psicoterapeuta exige, para além da componente teórico-prática, uma psicoterapia pessoal realizada por outro psicoterapeuta e uma extensa supervisão da prática clínica, num processo que dura pelo menos quatro anos.

O acesso a esta formação pós-graduada em Psicoterapia exige uma licenciatura prévia. A formação em Psicoterapia, dentro dos moldes referidos, é estruturada para ser, em si mesma, suficiente para o exercício da Psicoterapia.

Ao longo da história da Psicoterapia em Portugal, receberam formação em Psicoterapia e exercem legitimamente a Psicoterapia – reconhecidos pelas suas sociedades, associações ou escolas – médicos, psicólogos, enfermeiros, filósofos, sociólogos, assistentes sociais, pedagogos e outros provenientes das áreas das ciências exatas, ciências humanas e sociais e artes.

Partilhe ou goste...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *